Prontos para te ajudar!

Como instalar Lâmpada Tubular LED?

Jenifer Silva -

As lâmpadas de LED são, hoje, as melhores opções do mercado, principalmente em relação ao seu custo-benefício. Além de durarem muito mais que as lâmpadas tradicionais, elas são mais econômicas e eficientes.

Sabe aquela sua lâmpada tubular fluorescente da cozinha? Que tal trocá-la por uma lâmpada que vai gerar economia de até 90% na conta de luz? E o melhor: instalar lâmpada tubular de LED é muito fácil!

Siga a leitura do post e acompanhe o passo a passo que preparamos para você.

1. DESLIGUE O DISJUNTOR

Sempre que for mexer com eletricidade, o recomendável é desligar a energia. Essa recomendação é muito importante no caso de troca de lâmpadas tubulares, já que você vai precisar retirar o reator.

Basta desligar o disjuntor do circuito correspondente. Sempre que possível, realize esse procedimento durante o dia. Dessa forma, com a ajuda da luz natural, o trabalho será mais fácil.

Caso não seja possível, utilize uma lanterna para iluminar o local.

2. SEPARE O MATERIAL NECESSÁRIO

Tenha em mãos chave de fenda ou Philips, alicate, fita isolante e retalhos de cabos elétricos.

Comece retirando as lâmpadas fluorescentes antigas. Para isso, solte os parafusos e retire a luminária.

3. DESCONECTE OS REATORES

Hora de desconectar os reatores. Sim! As lâmpadas tubulares de LED não precisam de reatores.

Então, você terá que retirá-los. Use um alicate para cortar os fios que conectam o reator.

4. FAÇA A LIGAÇÃO DOS FIOS

Tenha sempre o cuidado de conferir o esquema elétrico da sua lâmpada tubular de LED na embalagem do produto. Algumas vezes, essa informação vem também estampada no corpo da lâmpada.

A grande maioria é bivolt, isto é, funciona em 127V e 220V.

Basicamente, existem dois tipos de esquema de ligação. No primeiro, é só conectar os fios de energia de um lado com retorno (L) e, do outro lado, com neutro (N).

No segundo tipo de esquema, todos os fios de energia ficam conectados do mesmo lado, onde um pino é retorno (L) e o outro é neutro (N).

5. CONECTE A LUMINÁRIA À REDE ELÉTRICA

Agora, você terá que conectar a luminária à rede elétrica, seguindo o esquema elétrico das lâmpadas. Para isso, isole bem os fios elétricos com fita isolante e, com cuidado, coloque a luminária no ponto de luz. Se for necessário, utilize os retalhos de cabos elétricos.

6. PRENDA A LUMINÁRIA

Parafuse novamente a luminária com o auxílio de uma chave de fenda.

7. INSTALE A LÂMPADA TUBULAR DE LED

Chegou o momento de, finalmente, instalar suas lâmpadas tubulares de LED. Tudo pronto para ser utilizado!

Ligue a energia e veja o resultado. Imediatamente, você vai aproveitar uma iluminação muito mais eficiente e, com o tempo, vai perceber também a economia. Para ter uma ideia, esse tipo de lâmpada dura cerca de 50 mil horas, enquanto a fluorescente dura 3.000-8.000 horas.

Além disso, como vimos, as lâmpadas tubulares de LED não necessitam de troca de fiação ou dos soquetes e disjuntores já existentes. Isso, além de facilitar o trabalho, não gera custos extras. Enfim, são muitas as vantagens de instalar lâmpada tubular de LED.

Agora, que você já conhece o passo a passo do processo, assine nossa newsletter e fique por dentro de outras dicas para obter mais eficiência e economia na iluminação de sua casa ou empresa!

Tem mais dúvidas? Envie uma solicitação

0 Comentários

Artigo fechado para comentários.

2017 © ILUMINIM LED® é marca registrada de Iluminim.com.br | CNPJ: 23.429.903/0001-98. Todos os direitos reservados.

Powered by Zendesk